Receba dicas grátis!

Aquecedor solar: porque você não deve escolher pelo preço

aquecedor solar

Ao decidir utilizar a energia solar a seu favor é fundamental fazer boas escolhas. Depois de optar por um aquecedor solar, é chegado o momento de definir onde comprá-lo e quem será a equipe responsável pela instalação.

Nessa etapa, entretanto, muita gente opta pelo sistema que é mais barato — e apenas isso. A economia pode custar caro e o fator não deve ser o único em sua compra.

Neste post, veja por que não selecionar um aquecedor solar apenas pelo preço e entenda como tomar a melhor decisão na hora de adquirir o seu.

A alternativa mais barata pode não oferecer o nível de aquecimento adequado

O custo de um aquecedor solar envolve diversos fatores, como o material de fabricação dos coletores solares e a capacidade de armazenamento de água. Quando você escolhe o mais barato, não dá para garantir que esses elementos serão otimizados.

Desse jeito, a versão de menor preço também pode oferecer um aquecimento bem menos interessante do que o esperado. Talvez os coletores solares não sejam tão eficientes ou haja uma perda de temperatura no reservatório.

Eventualmente, é algo que levará à necessidade de usar a energia elétrica para compensar a perda do calor esperado, o que gera custos maiores.

O aquecedor solar mais barato talvez exija manutenção ampliada

Como não dá para garantir a total integridade do elemento, é possível que o item exija uma manutenção muito frequente. O vidro dos coletores, por exemplo, é feito para ser resistente e aguentar alguns impactos. Caso a qualidade deixe a desejar, entretanto, uma chuva forte já pode levar à exigência de reparos.

Também é algo que encarece o sistema e por dois motivos. O primeiro é a necessidade de substituir peças e de contratar especialistas para fazer o reparo. Além disso, há o gasto envolvido com a paralisação do equipamento. Como consequência, é preciso utilizar a energia elétrica e pagar a tarifa elevada.

As chances de a durabilidade ser abreviada são grandes

Um equipamento que exige manutenção corretiva ampliada, normalmente, o deixará na mão em breve. Dessa forma, um aquecedor solar com um preço muito em conta pode significar que logo terá que substituí-lo.

Além da dor de cabeça que causa, o grande problema dessa questão é que o retorno sobre o investimento é perdido. Quando você investe em uma boa alternativa, ela durará anos e a economia feita ao longo do tempo garantirá ótimos resultados. Se a troca tem que ser realizada rapidamente, por outro lado, é preciso gastar mais e ter menos efeitos positivos — o que significa desperdiçar dinheiro.

A instalação incorreta é um risco elevado na opção de menor preço

Talvez o aquecedor seja de qualidade, com materiais de excelência e dimensionamento correto. Se for o caso, o preço muito em conta só pode estar associado ao atendimento da equipe de instalação.

Então, ao encontrar uma opção mais barata que a média do mercado, o provável é que o time responsável pela instalação não seja capacitado. E, se for o caso, o funcionamento também ficará comprometido.

Os equipamentos são delicados e têm alta tecnologia, então devem ser instalados corretamente. Se tudo não for feito por profissionais, o resultado é a perda de capacidade de geração de calor e até a inutilização do item.

Ao analisar esses motivos, fica claro por que o aquecedor solar não deve ser escolhido pelo preço. Ao focar na qualidade, é possível obter um excelente desempenho e uma economia elevada ao longo do tempo!

Nos comentários, diga o que você acha sobre essa relação entre custo e performance e participe do debate.

Adicionar comentário